M MT

Estudo detecta variante do novo coronavírus em Cuiabá e Primavera do Leste

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A nova cepa foi detectada por meio de um estudo feito pela UFMG e pela Rede Corona-ômica.

 

Um estudo divulgado nessa quarta-feira (24) apontou que a variante do novo coronavírus detectada no Reino Unido já circula em pelo menos 16 cidades de oito estados brasileiros, entre elas Cuiabá e Primavera do Leste.

A nova cepa foi detectada por meio de um estudo feito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pela Rede Corona-ômica , que é uma subdivisão da rede vírus, criada em março do ano passado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações.

A variante inglesa foi identificada em dezembro do ano passada por autoridades sanitárias do Reino Unido e é considerada mais contagiosa do que a versão original do novo coronavírus.

Além da variante inglesa, existem outras em circulação que tem chamado atenção de especialistas. Uma delas se originou no Brasil, na cidade de Manaus.

Outra variante detectada na África do Sul também preocupa as autoridades da área de saúde.

Um teste capaz de apontar se a pessoa foi contaminada por alguma dessas variantes do vírus foi desenvolvido pela Fundação Oswaldo Cruz.

 

 

Fonte: G1