G Geral

Previous Next

Tentativa de Incêndio Criminoso: Coquetel Molotov é lançado contra Agência dos Correios em Campo Novo do Parecis

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

 

A agência dos Correios de Campo Novo do Parecis se manteve fechada nessa quarta-feira, 09 de junho, o motivo foi uma tentativa de incêndio criminal ocorrida na madrugada do mesmo dia. Segundo informações, por volta das 02:55 horas a guarnição do Corpo de Bombeiros foi acionada via 193, pelos vizinhos do estabelecimento para tratar de um princípio de incêndio.

A ação foi rápida visto que as chamas ainda na porta da agência, mas não haviam atingido o interior. Com o calor do fogo, a cortina foi o único objeto do interior da agência a ser atingido. Felizmente, não houveram vítimas, nem percas materiais significativas.   

WhatsApp_Image_2021-06-09_at_08.10.42_2.jpeg(Imagens: SD BM Ewerton Camargo.)

 

WhatsApp_Image_2021-06-09_at_08.10.41_2.jpeg(Imagens: SD BM Ewerton Camargo.)

 

A Polícia Militar esteve no local, onde pode-se constatar a presença de uma garrafa quebrada com pavio, indicando ser um coquetel molotov (cocktail molotov), muito usado em protestos, guerrilhas urbanas, e por vezes sendo usado para provocar danos materiais e pessoais, bem como incêndios criminosos.

 O coquetel molotov, geralmente é composto por uma garrafa de vidro com uma mistura líquida inflamável e perigosa sem seu interior, esse liquido pode ser petróleo, gasolina, ácido sulfúrico, clorato de potássio, álcool ou éter etílico, misturados. Um pavio é embebido dessa mistura e usado para dar início a combustão. Acredita-se que o mesmo tenha sido lançado criminosamente contra a agência.  

WhatsApp_Image_2021-06-09_at_08.10.42_1.jpeg(Imagens: SD BM Ewerton Camargo.)

Policiais e bombeiros registraram o fato e comunicaram a Polícia Civil para que as providências cabíveis sejam tomadas, uma vez que, de acordo com a Lei 10 826/03, Art. 16, Inciso 3º, a posse, uso ou fabricação desse artefato explosivo/ incendiário configura posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, e prevê multa e pena de três a seis anos de reclusão.

Como a Agência dos Correios é um órgão Federal, quem assume as investigações e a perícia é a Policia Federal, que segundo funcionários, já foi acionada. Os Correios permanecem fechados até segunda ordem.