G Geral

Previous Next

Corpos Christi: Paróquia São Cristóvão Inova Para Manter a Tradição

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

O feriado de Corpus Christi – do latim “corpo de Cristo”, desde sua criação no século XIII, sempre é celebrado em uma quinta-feira no Brasil, há exatamente 60 dias após a Páscoa. Em outras palavras, a data é uma zelosa homenagem à eucaristia, um sacramento católico que busca relembrar a morte e a ressurreição de Jesus Cristo. Assim sendo, nesse sacramento, o pão que é consumido representa o corpo, e o vinho simboliza o sangue de Cristo.

O sacramento da eucaristia, é um evento muito importante para a comunidade católica, já que é uma referência direta à Última Ceia, realizada por Cristo com seus discípulos durante a Semana Santa. Inclusive, essa solenidade, só é realizada tipicamente ás quintas-feiras, devido a simbologia de que, segundo a tradição, a Última Ceia ocorreu em uma quinta-feira. Outro motivo significativo para a escolha dessa data é o Domingo da Santíssima Trindade, que acontece quatro dias antes de cada comemoração de Corpus Christi. 

Ainda, durante a Última Ceia, conta-se que a ordem de Cristo foi de consumir o pão e o vinho em sua memória. Dentro dessa teologia católica, é na eucaristia que elementos como a hóstia e o vinho, após serem consagrados, transformam-se, em espírito, na carne e no sangue de Jesus Cristo, essa mudança é conhecida por transubstanciação.

Em Campo Novo do Parecis, a data não passará em branco, porém, devido ao enfrentamento á Civid-19, que atingiu um pico na última semana, a solenidade terá mudanças em sua estrutura, sem que interfira em sua significatividade para as devotos da comunidade católica do município.

“O feriado de Corpus Christi foi pensado para que uma vez no ano, o corpo de cristo, o santíssimo sacramento pudesse passar pelas nossas ruas e cidades, para que pudesse ser feito uma celebração que reunisse o máximo possível de fiéis, daqueles que tem corpo e o sangue de cristo como alimento para a sua vida. Nesse sentido, criou-se uma tradição na igreja, em que são confeccionados tapetes, com os temas da eucaristia que receberá o Santíssimo Sacramento, e de modo particular, agora que estamos em época de pandemia, estamos sendo motivados a trazer alimentos, para que através deles sejam confeccionados os tapetes. O cristo na hóstia consagrada que se tona o corpo do nosso corpo, sangue do nosso sangue, e com esse alimento que no caso, é o vigor, a ternura, a vida e a energia para que a gente tenha o sustento de cada dia.” declarou o Frei Eduardo.

Em 2021, a procissão será um pouco diferente, se comparada a dos anos anteriores em que não existiam pandemias. O ato será realizado no espaço da feira municipal, onde cadeiras estarão disponíveis e dispostas a 2 metros de distância umas das outras, porém a paróquia informa, ainda, que as pessoas poderão levar suas próprias cadeiras para questões biossegurança.

A cerimonia iniciará ás 8 horas da manhã, na quinta-feira, dia 3 e será transmitida através de live no facebook da Paróquia e pela Rádio Cidade FM (87,9). Após, a procissão seguirá em forma de carreata, não caminhando a pé como o convencional, com carros, motos e bicicletas para manter o distanciamento, evitando aglomerações.

“Com a procissão em forma de carreata, vamos seguir e parar um pouco em frente ao Hospital Municipal, onde daremos a benção na saúde aos profissionais, enfermos e a todos aqueles que estiverem lá. Depois seguiremos em frente pela avenida Brasil até o salão paroquial. Ali, serão confeccionados alguns tapetes a partir dos alimento que estão sendo doados na Secretaria Paroquial. Assim, haverá confecção desses tapetes com alimentos e também cobertos de trigo, com os temas da eucaristia. Faremos dessa forma esse ano, para contribuir com as famílias necessitadas sem deixar os cuidados com a pandemia, para que assim possamos celebrar essa solenidade que é um dos pontos máximos da nossa fé cristã.”, conclui o Frei.

Além disso, o santíssimo sacramento ficará exposto até o meio dia para que os fiéis possam ir, fazer sua reverencia e/ou sua oração pessoal.  

WhatsApp_Image_2021-06-02_at_10.21.30.jpeg