P Polícia

PM liberta funcionária presa há mais de 12 horas por sua patroa em Campo Novo do Parecis

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

A vítima M.R.S., de 47 anos, acionou a Polícia Militar após ficar presa por mais de 12 horas no interior de uma lanchonete em Campo Novo do Parecis. Segundo ela, sua patroa, L.L.M.C. passou o cadeado na porta e não a deixava sair desde a noite de domingo (18).

 

Após ser solicitada, a guarnição policial foi até o local onde a vítima estava presa e encontrou a porta trancada com o uso de um cadeado de bicicleta. Segundo o boletim de ocorrência, os policiais solicitaram a ajuda do dono de uma oficina que fica ao lado da lanchonete, que utilizou uma lixadeira para cortar o cadeado.

 

De acordo com a vítima, ela estava trabalhando na lanchonete há apenas 5 dias e no domingo teria se desentendido com a acusada, motivo pelo qual a patroa a deixou presa.

 

L.L.M.C. foi conduzida para a delegacia de Polícia Civil onde serão tomadas as medidas que o caso requer.