C CNP

PF faz operação contra esquema que teria desviado R$ 4,8 milhões do IFMT

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 
 

Uma operação que investiga esquema de desvio de recursos públicos federais do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IFMT) em Campo Novo do Parecis, a 397 km de Cuiabá, é realizada nesta quarta-feira (21) pela Polícia Federal, a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Ministério Público Federal (MPF).

A operação 'Circumitus' mira em um esquema criminoso com indicativos de fraudes e desvio de recursos públicos no instituto nas áreas da educação e infraestrutura. O montante dos recursos envolvidos é de aproximadamente R$ 4,8 milhões.

O IFMT não se posicionou sobre a operação.

Os agentes devem cumprir 12 mandados de busca e apreensão em residências, sedes de empresas e órgão público, sendo no município de Cuiabá (5 mandados) e Campo Novo do Parecis (7 mandados). Além disso, a justiça decretou o sequestro de valores de dois investigados.

Publicidade
Banner Independência CastSeg
Publicidade
Banner Covid-19

+ Acessadas

Publicidade
Banner Covid-19